Top

Qual a melhor divisão de treino para ganhar massa muscular?

Ganhar massa muscular envolve uma série de mudanças em nossos hábitos. É preciso mudar a alimentação, escolher uma boa divisão de treino e também ter resiliência e persistência, pois o processo envolve grandes mudanças em sua estrutura muscular e em seu metabolismo.

 

Existem várias divisões de treino para se ganhar massa muscular, muitas são bastante utilizadas e outras são menos comuns. Para se decidir qual a que melhor se encaixa com as suas pretensões e que seja mais adequada para o seu perfil biológico, é preciso estar atento a algumas características dos exercícios e do seu próprio corpo.

 

Vamos, através deste artigo, explicar como funcionam algumas das melhores divisões de treino para ganhar massa muscular que existem, sabendo que o mais importante é conhecer os seus limites e suas melhores capacidades para adotar o treino que melhor lhe trará melhor rendimento e em menos tempo

 

Conheça o full body treino integral para ganhar massa muscular

 

Este é um treino que trabalha inteiramente o seu corpo, mas apesar do nome sugerir, não precisa ser um treino muito pesado. É indicado inclusive, que no começo não se treine com esta metodologia todos os dias de duas à três vezes por semana já será o suficiente. Os treinos podem ter sequências de duas ou três séries por grupos musculares.

 

O foco principal deste estilo de treino é a hipertrofia muscular, e para ganhar massa muscular ele foca em uma grande intensidade nos treinos todos os dias da semana, treinando o corpo todo. Uma boa dica para esta modalidade é que os endomorfos foquem mais em volume e frequência do treino, enquanto os ectomorfos devem focar em maior intensidade.

 

Modalidade anteriores e posteriores

 

Este treino é dividido de forma muito simples: em um dia você irá focar em treinar a parte frontal dos músculos do seu corpo (peito, ombros, abdômen, bíceps, coxa), e no dia seguinte o treino será direcionado para os músculos da parte traseira do seu corpo (costas, lombar, tríceps, isquiotibiais, tríceps e panturrilhas.

 

Este treino é indicado para ser realizado de três a quatro vezes por semana tanto para iniciantes quanto para intermediários. Uma coisa que os veteranos podem estar pensando é que é indicado que os músculos das pernas devem ser treinados juntos, e estão certos, mas treinar com exercícios isoladores pode ser interessante, se o intuito é instruir quem está treinando a contrair corretamente os músculos.

 

Treine a modalidade Upper and Lower

 

O nome desta excelente modalidade para ganhar massa muscular vem da ideia de treinar todos os músculos superiores em um dia e todos os inferiores no outro (upper significa superior, e lower significa inferior). Este treino gera bastante ganho de força, mas se utilizado para hipertrofia, também é bastante interessante.  

 

Este treino é indicado para ser feito três vezes na semana, o descanso dos músculos entre os dias de treino tem o intervalo máximo de cinco dias, o que permite que o músculo não descanse demais até o próximo estímulo. É possível realizar esse exercício até quatro vezes na semana, mas é bastante intenso.

 

E também você pode optar pelo clássico treino ABC!

 

O treino ABC é a metodologia de treino mais conhecida em todo mundo, e isso se deve a sua fácil adaptação a diferentes tipos de corpo e metabolismo. Ela tem a capacidade de se adaptar com facilidade tanto entre ectomorfos quanto em endomorfos, e é um treino que pode ser utilizado de quatro a seis vezes por semana.

 

Indicamos que ectomorfos treinem pelo menos quatro vezes por semana, enquanto endomorfos precisam de maior intensidade, e podem treinar até seis vezes por semana.

Share
No Comments
Add Comment
Name*
Email*